Abdominoplastia

16_03_2008_0449027001205688612_ladydementia.jpgA finalidade da abdominoplastia é de melhorar o aspecto do abdômen e devolver ao paciente seu contorno corporal, alternado por distensões causadas pela obesidade ou pela gravidez.

O reultado é obtido através da remoção do excesso de pele e de tecido gorduroso da parte inferior do abdômen. Além de dar tonicidade à pele esticada, esse tipo de cirurgia reforça os músculos da região e provoca um achatamento do abdômen inferior.

O paciente deve estar ciente, entretanto, de que o objetivo da abdominoplastia não é de alcançar a perfeição, mas sim de diminuir o problema. Quanto menor for a quantidade de pele em excesso a ser retirado, tanto mais satisfatório serão os resultados finais.

Pré-operatório

Nos dez dias anteriores à cirurgia, o paciente não deve tomar medicamentos à base ácido acetil salicílico (como aspirina), nem remédios para emagrecer ou diuréticos. Deve também comunicar ao médico qualquer alteração em seu estado físico, como gripes e resfriados.

O abdômen deve ser lavado cuidadosamente com sabonete antisséptico nos três dias anteriores à operação. Na véspera, o paciente deve fazer uma leve lavagem intestinal e raspar os pêlos pubianos. Também é aconselhável uma alimentação moderada e não ingestão de bebidas alcoólicas.

Procedimento Cirúrgico

Os tipos de anestesia mais usados para abdominoplastia são a geral ou a peridural. É feita uma incisão horizontal logo acima dos pêlos pubianos, de onde parte um corte em elipse, cuja largura maior vai até o umbigo, o qual será transplantado e, se necessário, remodelado.

Após a incisão, o tecido flácido que cobre o músculo abdominal é puxado em direção ao centro. Esse procedimento reforça a musculatura, dá firmeza à parede abdominal e afina a cintura. O exceso de pele é então retirado e, antes das sutura, o umbigo é reinstalado em seu local original.

Pós-operatório

O pós-operatório da abdominoplastia é, em geral, indolor, e o tempo médio de internação é de 24 horas. O paciente deve levantar da cama já no dia seguinte à cirurgia, sempre alternando períodos em posição deitado e sentado.

É recomendável andar com o tronco ligeiramente curvado para a frente a passos curtos, durante os primeiros cinco dias, evitando escadas longas. Deve-se usar uma faixa abdominal durante os primeiros cinco dias, evitando escadas longas. Deve-se usar uma faixa abdominal durante 30 dias.

Ao fim do primeiro mês, é retirado o curativo de micropore. É aplicado, então, um creme indicado pelo médico, no local da cicatriz. O inchaço natural e uma posível falta de sensibilidade são comuns e desaparecem com o tempo. O resultado definitivo só poderá ser observado após 12 a 18 meses da cirurgia.

Fonte: Dr. Ewaldo Bolívar de Souza Pinto

Site Médico

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: