Será que estou sendo traido?

Pra saber se você virou corno ou não (pra quem não sabe, o corno é sempre o último a saber) siga as instruções abaixo:

Indícios de uma possível aventura.60029.gif

Verificar o celular do parceiro para ler mensagens de texto ou consultar a conta de telefone para ver quais foram os números mais discados podem ser um dos caminhos mais diretos para obter indícios ou provas de uma mentira.
Um recente estudo realizado na Itália, solicitado por uma companhia de detetives especializada em descobrir infidelidades, indica que o telefone celular é usado em 9 de cada 10 relacionamentos clandestinos.

Mas há muitos outros indícios de que o parceiro está se afastando do par legítimo e se aproximando perigosamente de outra pessoa, ou que já está no caminho da infidelidade. Veja a lista abaixo:

  • Costumam se mostrar mais ariscas para esconder que estão apaixonadas e felizes.
  • Em relação ao dinheiro, têm despesas excessivas e injustificadas.
  • Mostram-se sorridentes sem causa aparente e relevam muitas atitudes masculinas que antes as irritavam.
  • Fazem comentários sarcásticos ou excessivamente irônicos quando falam com o parceiro, sem se preocupar muito com a reação do outro.
  • Quando vão fazer compras, demoram muito mais do que o costume e dizem que encontraram uma amiga.
  • Erram o nome do cônjuge ou fazem comentários sobre coisas que acreditam ter dito a ele, mas que na realidade falaram ao outro.
  • Inventam desculpas para evitar sair com o marido, compartilhar momentos de intimidade ou demonstram rejeição com freqüência.
  • Mudam de repente seus gostos quanto a roupas, comida, música ou cinema.
  • Mostram mais preocupação com a roupa, o corpo e o cabelo, e se esforçam para ficar cada vez mais atraentes.

Será que estou sendo traida?

Se você esta em dúvida quanto a situação de sua testa, saiba descobrir usando os indicios de infidelidade mostrados abaixo:60021.gif

Quando eles são infiéis:

  • Mostram-se inseguros ao explicar as razões de ter ficado fora de casa ou dizer com quem esteve.
  • Recebem telefonemas misteriosos e não conseguem ser naturais nem espontâneos ao atendê-los.
  • Dão explicações e detalhes desnecessários sobre o que farão, embora a mulher não tenha perguntado.
  • Começam a ter uma repentina sobrecarga de trabalho que os obriga a ficar muito tempo fora de casa.
  • Saem com amigos com uma freqüência fora do comum.
  • Adquirem cuidado exagerado com o modo de se vestir e com a aparência física.
  • Mostram um persistente desinteresse sexual e uma atitude distante, se esquivando de qualquer aproximação, o que faz o relacionamento esfriar.
  • Reclamam continuamente dos defeitos e das carências da parceira, e discutem por qualquer motivo.
  • Ao voltar para casa, ficam de mau humor, o que significa que estão mais felizes fora e com outra pessoa do que com a mulher. via

uma coleção de verbetes

O selo independenteFloppy Disk.png
Ainda jovem saiu da casa dos pais e ganhou o mundo vendendo discos ruins e farejando novas revelações musicais dispostas a posar para fotógrafos da escola gaúcha de fotografia de bandas.

A cena alternativa
Garota de classe média alta que não saiu tão bonita quanto a irmã e que por isso começou a vestir roupas de brechó e montou um blog. Até ontem amava pegar os caras de barba que usam calça xadrez, mas agora o roçar dos pelos no pescoço já incomoda e ela gostaria de ao menos uma vez jantar em um restaurante bom (e de carro).

O trabalho solo
A internet facilitou muito sua vida. Agora ele não passa mais pelo constrangimento na locadora alugando os filmes que lhe inspiram na frente de estropiadas mães de família que estão levando Harry Potter e Os Incríveis para casa pela enésima vez.

O clipe no Youtube
Menino prodígio, talentoso e performático, virou assunto em todas as rodinhas no recreio da escola na segunda-feira depois de mexer o cotovelo de um jeito que ninguém conseguia. Pela tarde mal conseguia chegar em casa tamanho o batalhão de jornalistas que queriam saber tudo a respeito daquele garoto de quem nunca ninguém tinha ouvido falar. Ganhou caixas de bombom, rolos de cartas com mil metros de “eu te amo”, convites das garotas mais lindas para andar de bicicleta no parque. Dormiu como um anjo. Foi pra escola de táxi na terça-feira, mas ninguém deu bola pra ele. Repetiu algumas vezes o gesto com o cotovelo mas as garotas preferiam assistir à aula. Hoje, dois anos depois, ainda treina diariamente truques com o joelho, as orelhas e as narinas, mas ninguém vê nada de especial em nenhum deles. via

Dez melhores desculpas ao ser flagrado pelo chefe.

  1. – “Eles me avisaram no banco de sangue que isso poderia acontecer.”
  2. – “Isto é só um cochilo de 15 minutos para recuperar as energias. Foi ensinado naquele curso de gerenciamento do tempo que vocês me mandaram fazer.”
  3. – “Eu estava imaginando como é a vida de um cego.”
  4. – “Eu não estava dormindo! Eu estava meditando sobre a missão da empresa e tentando descobrir um novo paradigma.
  5. – “Eu estava verificando se meu teclado é resistente a baba.”
  6. – “Eu estava fazendo um exercício altamente específico de Yoga para aliviar o stress do trabalho. Vocês discriminam pessoas que praticam Yoga?”
  7. – “Por que você me interrompeu? Eu estava quase chegando numa solução para o nosso maior problema.”
  8. – “A maquina de café está quebrada.”
  9. – “Alguém deve ter posto café descafeinado no pote errado.”
  10. – “… em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.”

Lula e os Cartoes Corporativos Federais

“A frequência de 1 milhão de internautas ao filme “Hitler, Lula e os cartões corporativos”, no Youtube há três meses, desmente a assertiva de que o brasileiro está se lixando para a corrupção no governo Luiz Inácio Lula da Silva”, afirma o vice-presidente do Democratas, deputado José Carlos Aleluia (BA).

“Hitler, Lula e os cartões corporativos” é uma sátira de A Queda, de Oliver Hirschbiegel, com Hitler em pleno ataque de fúria e apoplexia na reta final de seu reinado de morte. O autor da paródia sobrepôs legendas contando, em linguagem satírica, a história dos cartões corporativos.

“O resultado é impagável”, diz Aleluia..

Na montagem, o “presidente” Lula faz uma encenação junto aos cúmplices, revoltado porque a imprensa séria denunciou o uso imoral dos cartões corporativos por ele, Marisa, Dilma, Marta, Dirceu, enfim, todo o bando que assaca do dinheiro do povo.

“Hum milhão de visitas a um filme é algo inusitado, considerando-se peças brasileiras. Este 1 milhão de ´Hitler, Lula e os cartões corporativos` reflete apenas a peça original. A primeira postada. Outras versões no Youtube, somadas, representam bem mais de um 1 milhão de visitas, até agora”, observa Aleluia.

O líder democrata lembra que Elis Regina, com “O bêbado e o equilibrista” ou “Águas de março”, dois de seus maiores sucessos, não atingiu, mesmo somados, 1 milhão de visitas. Embora estejam em “cartaz” há mais de 1 ano.

“O rei Roberto Carlos, com ´Detalhes` ou ´Emoções`, há anos postados no Youtube, não chegou também a 1 milhão de visitas”, afirma o democrata.

Filmes sobre política, mesmo sátiras, estão longe de alcançar tal marca, acrescenta.

“Para se ter uma idéia da repercussão na Internet de ´Hitler, Lula e os cartões corporativos`, com alcance basicamente entre internautas brasileiras, um dos principais filmes de Barack Obama, um fenômeno de comunicação nos Estados Unidos e no resto do Planeta, recebeu a visita de pouco mais de 8 milhões de visitas”, afirma Aleluia.

Quer dizer, a corrupção de Lula e sua turma teve mais repercussão, proporcionalmente, do que a “obamania”.

fonte adnews

Oração dos estressados

Senhor, dê-me serenidade para aceitar as coisas que não posso mudar, coragem para mudar as coisas que não posso aceitar, e sabedoria para esconder os corpos daquelas pessoas que eu tiver que matar por estarem me enchendo o saco.

Também, me ajude a ser cuidadoso com os calos em que piso hoje, pois eles podem estar diretamente conectados aos sacos que terei que puxar amanhã.

Ajude-me, sempre, a dar 100% de mim no meu Trabalho… 12% na segunda-feira, 23%, na terça-feira, 40% na quarta-feira, 20% na quinta-feira, 5% na sexta-feira.

E… Ajude-me sempre a lembrar, quando estiver tendo um dia realmente ruim e todos parecerem estar me enchendo o saco, que são necessários 42 músculos para socar alguém e apenas 4 para estender meu dedo médio e mandá-lo para aquele lugar…

Que assim seja!!!

Viva todos os dias de sua vida como se fosse o último. Um dia, você acerta!

Entretenimento – Como ganhar pontos com uma mulher

As mulheres não são tão difíceis de entender como parece. Nós vamos ajudar você a ganhar pontinhos com elas, se você seguir fielmente é bem capaz de a dor de cabeça dela desaparecer do nada.

1 – Tarefas simples:
– Você faz a cama (+1)
– Você deixa a tampa da privada levantada (-5)
– Você troca o papel higiênico que acabou (+2)
– Você vai ao mercado só pra comprar papel higiênico (+5)
– ..na chuva (+ 8)
– …mas retorna com cerveja (-15)
– Você levanta de noite, pois ela ouviu um barulho estranho (0)
(quando não há pontuação é pq o homem não faz nada mais que sua obrigação)
– Você levanta de noite, mas o barulho não foi nada (0)
– Você levanta de noite e o barulho era de um rato (+5)
– Você mata o rato (+10)
– Você mata o rato e vai pro PC escrever no seu blog que você matou um rato (-847)

2 – Social:
– Você fica ao lado dela a festa inteira (0)
– Você vai beber ao lado dos amigos (-2)
– Entre os amigos está uma mulher chamada Fernandinha (-4)
– Fernandinha é loira e magra (-16)
– Fernandinha o conhece (-180)

O bicho ta pegando pro nosso lado


3 – O aniversário dela…
– Você a leva para jantar fora (0)
– Leva para jantar fora e não é o restaurante de sempre (+1)
– É o restaurante de sempre (-2)
– É um boteco (-3)
– É um boteco e a TV está mostrando futebol (-10)

4 – Passeios com amigos:
– Você sai com um amigo sem avisar (-3)
– O amigo é solteiro (-14)
– O amigo é cheio de namoradas (-27)
– O amigo dirige um conversível (-180)
– A Fernandinha vai junto!!! (-500)

5 – Uma noite fora:
– Você a leva para o cinema (+2)
– Para ver um filme que ela gosta (+4)
– Para ver um filme que ela gosta e você odeia (+6)
– Você a leva para ver um filme que você gosta (- 2)
– O filme se chama ‘O massacre da serra elétrica III’ (-13)
– Você mentiu e disse que seria um filme francês de amor (-135)
– Na saída do cinema você encontra a Fernandinha e ela faz “aquela” cena: Queriiiiiiiidooooo, há quanto tempo!!! (-750)

6 – Grandes questões:
– Ela pergunta ‘Eu estou gorda?’ (-1) (é, você perde um ponto de qualquer jeito!)
– Você pensa antes de responder (-10)
– Você diz que não (-35)
– Você diz que gosta dela mesmo que ela esteja gorda (-280)
– Você faz comentários a respeito do corpo da Fernandinha (-750)

7- Comunicação (ela quer contar algo):
– Você ouve com uma expressão atenta (0)
– Você ouve por mais que 30 minutos (+5)
– Ouve por mais q 30 minutos s/ olhar para a TV (+10)
– Ela percebe que você está dormindo de olhos abertos (-320)
– Você balbucia o nome da sua querida amiga “Fe…Fernandinha”, enquanto está dormindo de olhos abertos (-1.000.000 + divórcio e pensão pro resto da vida)

via Papo de homem

Estados da música

furacao_baiano_evolu.jpg

A revelação gaúcha

Também conhecida como “a promessa que vem dos pampas”, a revelação é um mal que assola o país desde que os primeiros Gessingers tiveram seus cabelos tingidos após a meia noite e passaram a aterrorizar a população civil com rimas-bomba esquecidas em discos sem alça. Os gaúchos prometem continuar lançando bandas-ruins sistemáticas na direção do Brasil até conquistarem sua independência e, finalmente, poder exercer o seu orgulho provinciano em paz sem nordestinos metidos a besta fazendo a bunda das gurias chacoalhar ao som de batuques africanos.

O suíngue carioca
Reflexo do “jeitinho brasileiro” em forma de música, o suíngue carioca estende seus tentáculos por todas as vertentes musicais produzidas no país (isso quando não é a própria origem da coisa – casos do Samba, da Bossa Nova e do Funk de Latrina). Mesmo que você crie um estilo ultra-revolucionário de rock no Acre ou música eletrônica de vanguarda no interior da Paraíba, não adianta fugir: na hora de “estourar no país” algum produtor mequetrefe vai meter uns pandeiros no meio da sua música ou, mesmo que você faça sucesso sem esse toque ‘ishperrrto’, alguma nova cantora-revelação surgirá fazendo uma versão de uma música sua “meio sambinha, meio eletrônico, com uma pitada de Tom e um cheirinho de D2”.

Os mineiros do
A história musical mineira é intrinsecamente ligada à política. Tiradentes ainda arrancava molares quando os filhos das Gerais já tentavam, sem sucesso, fazer música. O alferes teria se suicidado e esquartejado a si próprio após não agüentar mais ter os mineiros do Inconfidência Quest ensaiando ao lado do seu consultório. Já a ditadura militar acabou graças às ameaças dos mineiros do Clube da Esquina, que declararam: “ou o regime acaba ou haverá uma roda de violão para cada boteco deste país”. Pior ainda quando não se decidem entre inventar uma nova luta marcial ou fumar um, caso dos mineiros do Pato Fu e do Skank.

O furacão baiano
Sacudindo o país mais ou menos a cada 10 anos, o furacão baiano não poupa ninguém e costuma inundar as zonas costeiras, balançar as traseiras e reverter as estomacais sem dó nem piedade. Apesar de manter constante o seu nível musical potencialmente nocivo às regiões escrotais, o fenômeno nordestino ao menos vem aprimorando seu lado estético-visual ao longo do tempo. Estima-se que em 2030 um furacão baiano poderá ser, inclusive, mais bem pago que Gisele Bundchen e quem sabe engatar um romance com Roberto Justus.

fonte ressaca

Os 50 tipos de corno

Cada corno tem sua história e seu jeito, abaixo segue a lista com 50 tipos de corno conhecidos.
Veja se você se identifica, digo, identifica algum conhecido nesta lista.

1.Corno – Abelha: O que vai para rua fazer cera e volta cheio de mé.
2. Corno -Ateu: Aquele que leva chifre e não acredita.
3. Corno -Atleta : É aquele que quando leva chifre sai correndo.
4. Corno -Atrevido: Aquele que se mete na conversa da mulher com o Ricardão.
5. Corno – Azulejo: Baixinho, quadrado e liso.
6. Corno – Banana: A mulher vai embora e deixa uma penca de filhos.
7. Corno – Brahma: O que pensa que é o número 1.
8. Corno – Bravo: Aquele que quando chamado de corno quer brigar.
9. Corno – Brincalhão: Aquele que leva chifre o ano inteiro e no carnaval sai fantasiado de Ricardão.
10. Corno – Bateria: O que vive dizendo,”Vou tomar uma solução”.
11. Corno – Burro – é aquele que segue a mulher o tempo todo e quando flagra a mulher saindo do motel com o Ricardão, exclama: “Eu não entendo!!!
12. Corno – Camarada: Aquele que ainda empresta dinheiro para o Ricardão.
13. Corno – Caninha: Aquele que só chega em casa bêbado.
14. Corno – Cebola: Quando vê a mulher com outro só chora.
15. Corno – Cheguei: Aquele que quando chega em casa grita bem alto: “Querida, cheguei!”
16. Corno – Churrasco: Aquele que mete a mão no fogo pela mulher.
17. Corno – Cigano: Aquele que toda vez que leva chifre, muda de bairro e diz para os vizinhos que veio de São Paulo.
18. Corno – Crente: Aquele que sempre crê que sua mulher é honesta.
19. Corno – Cururu: Quando vê a mulher com outro fica todo inchado.
20. Corno – Denorex: Aquele que não parece, mas é.
21. Corno – Descarado: Aquele que leva chifre e ainda sai desfilando com a mulher.
22. Corno – Desconfiado: Aquele que quando chega em casa procura o Ricardão até atrás dos quadros.
23. Corno – Detetive: Aquele que segue a mulher dos cornos e esquece da dele.
25. Corno – Educado: Aquele que aprendeu com o pai e nunca deixa de cumprimentar o Ricardão.
26. Corno – Elétrico: Quando os outros falam que ele é corno ele diz: “Tô ligado”.
27. Corno – Familiar: Aquele que leva chifre de parente.
28. Corno – Famoso: Aquele que por onde passa é reconhecido como tal.
29. Corno – Fofoqueiro: Aquele que leva chifre e sai contando para todo mundo.
30. Corno – Fraterno: O que empresta a mulher para o irmão.
31. Corno – Frio: O que leva chifre e não esquenta.
32. Corno – Galo: O que tem chifres até nos pés.
33. Corno – Granja: O que é dá casa e os outros comem.
34. Corno – Inflação: A cada dia que passa o chifre aumenta.
35. Corno – Iô-Iô: O que vai e volta.
36. Corno – Manso: Aquele que evita qualquer confusão com o Ricardão.
37. Corno – Masoquista: Aquele que leva chifre e não larga a mulher.
38. Corno – Matemático: O que vê a mulher fazendo 69 com outro e vai para obar tomar uma 51.
39. Corno – Medroso: O que fica escondido esperando o ricardão ir embora.
40. Corno – Morcego: O que só aparece à noite para chupar.
41. Corno – Papai Noel: Aquele que leva chifres, vai embora e volta por causadas crianças.
42. Corno – Político: O que só faz promessa,”Eu vou matar esse cara”.
43. Corno – Porco: Aquele que só come o resto.
44. Corno – Preguiça: O que só chega atrasado,”Eu ainda te pego”.
45. Corno – Recado: Aquele que ainda leva bilhete da mulher para o Ricardão.
46. Corno – Teimoso: O que leva chifre da mulher e da amante.
47. Corno – Terremoto: Quando vê a mulher com outro fica tremendo.
48. Corno – Vingativo: Aquele que descobre que é corno e vai para a rua dar para qualquer um.
49. Corno – Xuxa: O que não larga a mulher por causa dos baixinhos.
50. Corno – Risadinha: O que leu tudo e está rindo de todos outros cornos acima. via

Fases da TPM

Segundo a visão masculina, dividiu-se a TPM em 4 fases principais: lovee!.jpg

Fase 1 – Meiguinha
Tudo começa quando a mulher começa a ficar dengosa, grudentinha.
Bom sinal? Talvez, se não fosse mais do que o normal. Ela te abraça do nada, fala com aquela vozinha de criança e com todas as palavras no diminutivo.

A fase começa chegar ao fim quando ela diz que está com uma vontade absurda de comer chocolate. O que se segue, é uma mudança sutil desse comportamento, aparentemente inofensivo, para um temperamento um pouco mais depressivo.

Fase 2 – Sensível
Ela passa a se emocionar com qualquer coisa, desde uma pequena rachadura em forma de gatinho no azulejo em frente à privada, até uma reprise de um documentário sobre a vida e a morte trágica de Lady Di.

Esse estágio atinge um nível crítico com uma pergunta que assombra todos os homens, desde os inexperientes até os mais escolados como o meu pai:

– Você acha que eu estou gorda?

Notem que não é uma simples pergunta retórica. Reparem na entonação, na escolha das palavras. O uso simples do verbo ‘estou’ ao invés da combinação ‘estou ficando’, torna o efeito da pergunta muito mais explosiva do que possamos imaginar. E essa pergunta, meus amigos, é só o começo da pior fase da TPM. Essa pergunta é a linha divisória entre essa fase sensível da mulher para uma fase mais irascível.

Fase 3 – Fase Explosiva
Meus amigos, essa é a fase mais perigosa da TPM. Há relatos de mulheres que cometeram verdadeiros genocídios nessa fase. Desconfio até que várias limpezas étnicas tenham sido comandadas por mulheres na
TPM. Exagero à parte, realmente essa é a pior fase do ciclo tepeêmico.

Você chega na casa dela, ela está de pijama, pantufas e descabelada.
A cara não é das melhores quando ela te dá um beijo bem rápido, seco e sem língua. Depois de alguns minutos de silêncio total da parte dela,
você percebe que ela está assistindo aquele canal japonês que nem ela nem você sabem o nome. Parece ser uma novela ambientada na era feudal.
Sem legendas…

Então, meio sem graça, sem saber se fez alguma coisa errada, você faz aquela famosa pergunta: ‘Tá tudo bem?’ A resposta é um simples e seca:
‘Ta’ sem olhar na sua cara. Não satisfeito, você emenda um ‘Tem certeza?’, que é respondido mais friamente com um rosnado baixo e cavernoso> ‘teenhoo.’. Aí, como somos legais e percebemos que ela não tá muito a fim de papo, deixamos quieto e passamos a tentar acompanhar o que Tanaka está tramando para tentar tirar Kazuke de Joshiro, o galã da novela que…

– Merda, viu!? – ela rosna de repente.

– Que foi? A Fase Explosiva acaba de atingir o seu ápice com essa pergunta.

Sem querer, acabamos de puxar o gatilho. O que se segue são esporros do tipo:

– Você não liga pra mim! Tá vendo que eu to aqui quase chorando e você nem pergunta o que eu tenho! Mas claro! Você só sabe falar de você mesmo! Ah, o seu dia foi uma merda? O meu também! E nem por isso eu fico aqui me lamuriando com você! E pára de me olhar com essa cara!
Essa que você faz, e você sabe que me irrita!

Você não sabe! Aquele vestido que você me deu ficouapertado! Aaaai, eu fico looooouca quando essas coisas me acontecem! Você também, não quis ir comigo no shopping trocar essa merda! O pior de tudo é que hoje, quando estava indo para o trabalho, um motoqueiro mexeu comigo e você não fez nada! Pra que serve esse seu Jiu Jitsu? Ah, você não estava comigo? Por que não estava comigo na hora? Tava com alguma vagabunda?
Aquela sua colega de trabalho, só pode ser ela. E nem pra me trazer um chocolate! Cala sua boca! Sua voz me irrita! Aliás,vai embora antes que eu faça alguma besteira.

Some da minha frente! Desnorteado, você pede o pinico e sai. Tenta dar um beijinho de boa noite e quase leva uma mordida.

Fase 4 – A Cólica
No dia seguinte o telefone toca. É ela, com uma voz chorosa, dizendo que está com uma cólica absurda, de não conseguir nem andar. Você vai à casa dela e ela te recebe dócil, superamável.

Faz uma cara de coitada, como se nada tivesse acontecido na noite anterior, e te pede pra ir à farmácia comprar um Atroveran, Ponstan ou Buscopan pra acabar com a dor dela.Você sai pra comprar o remédio meio aliviado, meio desconfiado ‘O que aconteceu?’, você se pergunta.

Tudo bem’. Você pensa: ‘Acho que ela se livrou do encosto’. Pronto! A paz reina novamente. A cólica dobra (literalmente) a fera e vocês voltam a ser um casal feliz. Pelo menos até daqui a 20 dias… via

« Older entries